Grupo ACXXI – nova unidade de negócio no carregado.

by on 12 Fevereiro, 2020 in Pós-Venda

Grupo ACXXI – nova unidade de negócio no carregado.

Na inauguração, Elsa Coelho, administradora do Grupo, em entrevista à Automotive conta-nos os motivos desta nova unidade bem como os serviços disponibilizados.

“Esta é a oitava oficina do grupo ACXXI, sendo uma unidade de manutenção e reparação multimarca de camiões e semirreboques, tendo também o componente de vendas de semirreboques. Somos oficina oficial Wabco e BPW.

O grupo ACXXI tem estado bastante ativo. Abrimos há cerca de um ano uma unidade no Porto com o conceito oficinal multimarca, passamos a representar a marca de semirreboques FM5 e SOR, além da Fliegel que somos representantes exclusivos. No Porto temos tido uma taxa de ocupação da oficina acima do esperado, o que nos deu bons indícios de replicarmos o modelo para o Carregado, para ser uma mais-valia para os clientes.

A unidade do Carregado está numa excelente localização, junto a um dos maiores centros logísticos de Portugal e próximo da capital. Uma vez que representamos várias marcas de semirreboques, também é importante ter um ponto de assistência nesta região, e isto nos diferencia de outras marcas, ou seja, temos vários pontos de assistência no país. Quando o cliente compra um semirreboque já sabe á partida que pode contar com uma boa cobertura territorial nossa em termos de manutenção do seu equipamento.

Relação de parceria

Costumo dizer que mais do que as instalações e equipamentos, são os funcionários que fazem as empresas. São eles que lidam diretamente com os transportadores, gestores de frota e motoristas. Os clientes quando são bem tratados e sentem-se apoiados, ficam fidelizados à nossa empresa – a ponto de termos clientes de Lisboa que deslocam-se à nossa unidade de Turquel para fazer as manutenções dos seus camiões. Agora têm a possibilidade de o fazer num local mais próximo, o que os permite ser ainda mais eficientes no seu negócio.

Temos vindo a crescer continuamente e não esquecemos os pequenos clientes. A diversidade de pequenos clientes que temos, por um lado faz com que o risco de incumprimento não seja muito elevado, e por outro, o nosso cariz de proximidade funciona muito bem porque falamos diretamente com os patrões. Como disponibilizamos o aluguer de camiões e semirreboques, ajudamos o transportador pequeno a crescer neste mercado. Nenhum grande transportador começou com uma grande frota. De certa forma ajudamos os “pequenos” que, ao longo do tempo, vão se tornando grandes e mantêm-se connosco.

Além da dedicação que temos, os clientes também nos escolhem pela diversidade de serviços que disponibilizamos: desde repintura, bate-chapas, mecânica, reparação de semirreboques entre muitos outros serviços.

Nestas instalações do Carregado temos todos os serviços de manutenção e reparação mecânica de camiões e semirreboques, bem como teremos o serviço de repintura com cabine própria para veículos pesados. Mantemos o investimento na formação e na procura contínua de bons profissionais e também é isso que nos tem permitido crescer” refere Elsa Coelho.

Diversidade nos semirreboques

José Botelho, responsável por uma das empresas do Grupo, a Assivepe, declarou no evento que “faço minhas as palavras da nossa administradora, onde o nosso intuito é apoiar o micro e pequeno transportador, com serviços competitivos e produtos com qualidade. A forma de garantir a sustentabilidade do negócio é que o cliente possa ter segurança na reparação do seu camião, com custos controlados e material de qualidade e com garantia.

No que diz respeito aos semirreboques, área onde estou mais envolvido, posso dizer que com a Fliegl este ano estamos a dinamizar além dos semirreboques de lona e dos porta-contentores, os basculantes Hardox 450. Estes basculantes têm várias inovações tecnológicas patenteadas pela Fliegl, conseguindo conjugar um chassis leve com uma boa resistência da estrutura de carga.

Representamos também os semirreboques FM5 na área de construção, pisos móveis e celoríficos. Toda a gama de basculantes FM5 que comercializamos têm 3 anos de garantia total e nos pisos móveis 5 anos de garantia total. O mercado confia em nós e prova disso é a presença do José Luiz Martinez, diretor geral da FM5 no nosso evento de abertura desta unidade do Carregado.

A FM5 pertence ao grupo Ferrus, um grande grupo industrial com mais de 50 anos de atividade em Espanha, é o próprio fabricante dos cilindros hidráulicos e investiu agora cerca de 50 milhões em instalações novas na zona industrial de Zaragoça.

Outra novidade é relativa à SOR Ibérica, que estamos a trabalhar em exclusividade na comercialização para Portugal. O semirreboque frigorífico SOR que trouxemos para o evento é específico para o mercado nacional. Adequamos a qualidade da SOR Ibérica ao mercado nacional. A vantagem da SOR Ibérica é que consegue ter o mesmo peso de um semirreboque com Ferroplás, e tem uma maior isotermia” refere José Botelho.

Elsa Coelho refere ainda que “estas novidades em termos de semirreboques reforçam o nosso compromisso de termos produtos de qualidade para os transportadores, sendo que ao longo deste ano teremos mais novidades para o Grupo, que iremos apresentar oportunamente”, conclui.

Print article

WP to LinkedIn Auto Publish Powered By : XYZScripts.com