Lexus LC 500h – uma experiência surpreendente de condução

by on 10 Julho, 2018 in Ensaios / Assessment

Lexus LC 500h – uma experiência surpreendente de condução

Sandro Pinto, Portugal & Galícia Business Manager da multinacional americana UPS, realizou o assessment do novo Lexus LC 500h, a convite da Revista Automotive.

Para tal, utilizou-se como cenário para o ensaio, o complexo de carga da United Parcel Service (UPS) no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, na Maia.

Curiosamente, Sandro Pinto começa o assessment com um convite: “tendo em conta que vou entrar neste carro, gostaria primeiro que o carro entrasse na UPS, pois é assim que trabalhamos na nossa empresa, com reciprocidade positiva, o denominado win-win. Desta forma também é possível perceber-se a dimensão de uma das nossas operações, e dado o visual desportivo deste modelo, podemos simular uma entrega de um pacote da UPS.

A primeira coisa que noto, para além da estética desportiva e da imagem premium, é que a bagageira tem umas dimensões generosas, tendo em conta o tipo de carro que é. Cabem vários pacotes da UPS, o que é surpreendente pois geralmente imaginamos que carros desta categoria e com este posicionamento, não dispõem de muito espaço na bagageira.

Surpreendeu-me também o facto de ter dois bancos atrás. De fora parecia um coupé de dois lugares, e apesar do espaço atrás não ser abundante, é o suficiente para transportar dois adultos com um certo requinte e conforto, devido às linhas interiores e a qualidade dos tecidos que forram todo o ambiente. A segurança Lexus também é visível, pois os bancos foram desenhados para envolverem bem os passageiros, sem retirar-lhes as emoções de um automóvel com este cariz desportivo.

Motorização híbrida

O fato do motor deste LC 500h utilizar tecnologia de propulsão híbrida, vai de encontro à estratégia da UPS em utilizar motorizações menos poluentes na sua frota. Temos um objetivo de, até 2025, passarmos dos atuais 0,5% de utilização de energias alternativas (gás, elétricos e híbridos) da nossa frota, para um patamar de 25%. É um objetivo desafiante, e todos os que utilizamos, em todos os continentes, contam para alcançarmos esta ambiciosa meta.

Mas a diminuição da pegada ambiental não se faz só de veículos. Temos um investimento na Europa de cerca de 2 milhões de euros só para infraestruturas e otimização do nosso network. Isto tem uma influência direta no ambiente porque, no âmbito das infraestruturas significa que estamos a criar armazéns, novas plataformas logísticas, com uma clara atenção na otimização dos consumos da energia, das rotas, e do modo como utilizamos (ou não) os combustíveis fósseis.

Na UPS utilizamos um sistema para a gestão da frota dos furgões, denominado Orion, que faz um cálculo da otimização entre a rapidez da rota para o motorista, com o fator segurança. Por exemplo, o sistema evita virar à esquerda em cruzamentos, para evitar acidentes. Uma rota otimizada significa diminuição do combustível, e o fator de segurança resulta numa diminuição da sinistralidade, dois parâmetros importantes numa gestão de uma frota com as nossas dimensões.

Interior e primeiros quilómetros

O interior deste LC 500h é um verdadeiro apelo aos sentidos, com diferentes texturas, combinações de materiais e formas, conjugadas de maneira harmoniosa e muito agradável. Os bancos, tanto do condutor como do passageiro, são autênticas backets de conforto – se é que se pode utilizar este termo, em teoria antagónico, mas real na prática. Tanto nos seguram nas acelerações laterais, como proporcionam uma comodidade sublime para viagens longas, por exemplo.

O carro, graças à sua tecnologia híbrida, realiza o arranque em modo elétrico de forma completamente silenciosa. Noto o head-up display, projetado no para-brisas, que apresenta uma luminosidade correta, pois não interfere na condução. O contraste das cores também facilita a distinguir as várias informações projetadas: velocidade, rotações, navegação e velocidade limite da estrada. Muito prático.

Logo nos primeiros minutos de condução, percebo que a insonorização deste Lexus é exemplar. Mesmo a circular em estrada com piso em paralelo ou em mau estado de conservação, é possível sentir o rolar do carro bastante confortável, o que à partida não estava à espera pelo aspeto desportivo deste LC 500h, que também aqui surpreende pela firmeza do seu chassis, não sendo, entretanto, demasiado seco.

Comportamento dinâmico

Relativamente ao estilo de condução, tenho à minha disposição quatro modos, à escolha: o Eco, Comfort, Normal, Custom, Sport S e Sport S+. Muito prática a forma de os mudar: através de um simples movimento no comando analógico, localizado no canto superior direito do painel de instrumentos. É muito fácil de manusear, instantâneo, e evita andarmos à procura dos modos de condução nos menus do carro.

As patilhas no volante ajudam a uma condução desportiva com total controlo, e basta tocar numa patilha que o carro muda a caixa para modo “manual”, sem precisarmos de aceder a menus ou configurações. Já percebi que o objetivo é “mexermos” o menos possível para o carro se adaptar aquilo que pretendemos, e ajustar-se ao nosso estilo de condução. Isto ajuda a mantermos a concentração na condução, e contribui para a segurança em geral.

No modo Sport S, sente-se a resposta rápida do carro, bem como um som mais apurado do motor, principalmente em altas rotações. No modo Sport S+, o carro é sem dúvida, ainda mais rápido do que no Sport S. O som das rotações a subirem é fantástico. Os 360cv deste motor surgem na sua plenitude e o carro curva excecionalmente. A sensação que tenho é a de que não dispomos de estradas à altura para sentir o curvar deste carro, no seu expoente máximo.

Para conseguir estas boas prestações, para além do vigor deste motor 3.5 V6 e das capacidades do motor elétrico, também contribui o facto deste Lexus ser um modelo extremamente leve. Há vários pormenores que foram aplicados na sua construção, como por exemplo, o tejadilho ser feito totalmente em fibra de carbono, que lhe retiram peso desnecessário.

Achei interessante o facto de a caixa automática ter 10 velocidades. Tem um escalonamento ideal e permite que circulemos sempre com rotações baixas (nos modos Eco, Comfort e Normal) e isso, com o auxílio do motor elétrico, resulta em baixos consumos. É por isso que a autonomia que surge no display é de 750 km, quando temos cerca de ¾ de combustível no depósito.

Quanto ao motor elétrico, funciona bem em percurso citadino e também em autoestrada. Estava a circular a 120km/h, e num trecho plano o carro manteve a velocidade apenas com o motor elétrico. Ou seja, temos potência quando necessitamos de mais vitalidade e conforto quando desejamos um modo de condução mais suave.

Tecnologia, informação e conforto

Além dos 4 modos de condução, todo o carro é bastante personalizável, ou seja, se não desejarmos ter tanta informação no ecrã central e/ou no painel de instrumentos (que são totalmente digitais), basta configurarmos à nossa medida, consoante a nossa preferência de condução. É um pormenor importante para não andarmos a “absorver” tanta informação do ecrã central.

Também o que sobressai neste carro é a sua elevada e abundante tecnologia, que responde de uma forma extremamente rápida – e não me refiro apenas à aceleração do motor – bem como do fluxo de informação que este LC 500h consegue disponibilizar num curto espaço de tempo, uma das coisas que mais aprecio numa condução. Sobre os sistemas de ajuda à condução deste modelo, posso dizer que são muitos e funcionam na perfeição.

O Lexus LC 500h é muito confortável. Para um modelo com este aspeto desportivo, o feeling de condução e a sua habitabilidade são impressionantes. É um carro que se encaixa perfeitamente numa condução diária para quadros superiores das empresas. Não é aquele desportivo que só se usa ao fim-de-semana. É um carro para utilização total, no dia-a-dia, nas deslocações mais curtas, para médias distâncias e também para desfrutarmos de longos percursos.

Gostaria de realçar, porque é muito relevante, que este LC 500h está claramente ao serviço do condutor, ao facilitar-lhe a vida de diversas formas. O condutor fica focado em conduzir (e usufruir), e não tem de se preocupar com todos os outros detalhes, ainda que as informações estejam todas visíveis.

É exatamente isso que pretendemos na UPS, que o cliente nos escolha para transportarmos a sua mercadoria do ponto A, ao ponto B, sem se preocupar com todas as etapas que esse processo irá ter. No entanto, em qualquer momento do processo, o cliente consegue visualizar a posição da sua encomenda. Fazendo uma comparação direta com a eficiência deste modelo Lexus, percebemos que a tecnologia é aplicada para melhorar as nossas vidas.

Paralelismo completo

Este Lexus LC 500h espelha a atividade da UPS. É um carro com uma excelente imagem e com um conforto e segurança plenos. É um modelo que, devido à sua tecnologia, se adapta à necessidade do condutor. Tal como na UPS. Fazemos todos os dias um trabalho para que ir de encontro às especificidades dos nossos clientes. Só assim conseguimos que uma empresa global como a UPS, se possa adaptar à realidade de uma empresa, que por exemplo, está a começar – uma startup – que necessita de um parceiro para fazer evoluir o seu negócio e expandir-se de Portugal para o resto do mundo.

O carro mostrou-nos exatamente essa facilidade. Se estou num daqueles dias mais desportivos, este Lexus será capaz de me proporcionar essa performance. Se quiser simplesmente passear ao fim-de-semana e descontraidamente, ele é perfeitamente capaz de criar uma atmosfera de tranquilidade e serenidade. O melhor, é que em ambos os casos, ele o faz em segurança.

Essa adaptação do carro aos vários modos de condução também encontra o seu paralelo na UPS, onde trabalhamos, como referi, desde uma microempresa recém-criada até uma multinacional centenária. E, à semelhança da Lexus, queremos disponibilizar serviços de topo, mas com uma preocupação ambiental. O pacote tem de ser completo. Não basta ser bonito por fora, tem de disponibilizar algo mais por dentro. Somente quem desfrutar da condução deste LC 500h, saberá compreender o que estou a dizer.

Resumo

À primeira vista, achei o carro demasiado chamativo. Apesar do visual ser muito agradável, parecia-me quase ostensivo. A ideia inicial com que fiquei foi que seria um carro exclusivamente desportivo e vocacionado em certa medida para o show-off. Depois de o conduzir, mudei completamente a minha perceção. É exatamente o oposto!

A condução é totalmente executiva, com um conforto absoluto, acabamentos irrepreensíveis e com tecnologias do melhor que existe. Ao conduzir tantos argumentos de excelência, agora percebo que a estética exterior tinha de ser trabalhada pelos melhores designers do mundo. Nada foi deixado ao acaso neste carro. Para não dizer que este carro é perfeito, falta-lhe apenas ser da cor da UPS. De resto, é mesmo perfeito.

Para além da expectativa

Na nossa opinião, no mundo empresarial o serviço conta, mas já não é o mais importante. O serviço tem de ser a base do negócio, mas estamos a notar que o cliente já procura uma experiência durante a sua interação com uma empresa. Uma coisa é entregar bem um pacote, onde o cliente tem várias opções de empresas, mas a experiência da entrega de um pacote é um fator de diferenciação.

Como somos uma companhia com uma presença mundial, é importante que o cliente se sinta satisfeito com o serviço prestado, mas também com a experiência que teve com a UPS, em todos os seus parâmetros. Tem de ser uma experiência agradável, que lhe traga boas recordações.

Não foi combinado, mas pelo que percebi, esse é o lema atual da Lexus: “Experience Amazing”. Eu estou a falar desta questão da experiência e não sabia qual seria o carro que iria realizar no assessment, mas diria que existe um match perfeito neste parâmetro da experiência entre a UPS e a Lexus. A condução deste LC 500h é realmente uma experiência surpreendente.

Acredito que essa experiência transcenda o próprio veículo – porque só assim é que seria completa – no sentido de todas as interações com a Lexus se pautarem por este lema: desde uma reunião comercial para negociação de viaturas, passando pelo acompanhamento do cliente, até à parte mais operacional que será a manutenção do veículo num concessionário Lexus – tudo isso deverá ser a tal “Experience Amazing”.

E de fato, a melhor expressão que pode se atribuir a este Lexus é que é um carro capaz de nos proporcionar “uma experiência extraordinária”. Fiquei agradado com este momento único de condução que a Automotive me proporcionou, através do convite para o assessment.

Nada melhor do que terminar como comecei, ao lançar um convite aos leitores da Revista Automotive para também testarem este modelo LC 500h, bem como para experienciarem os nossos serviços”, finalizou pleno de satisfação, Sandro Pinto, da UPS.

Print article

WP to LinkedIn Auto Publish Powered By : XYZScripts.com